Tiradentes é uma das mais turísticas cidades históricas de Minas Gerais. Além dos diversos pontos turísticos que existem ali, a cidade proporciona a seus visitantes algumas experiências incríveis, como andar de Maria Fumaça ou curtir os diversos festivais que acontecem ao longo do ano. Há muito o que fazer em Tiradentes, independente do seu perfil.

Gosta de história? De arte? Gastronomia? Cultura? Arquitetura? Religião? Natureza? Sejam quais forem seus interesses, tenho certeza que Tiradentes vai te conquistar. Saiba o que fazer em Tiradentes e planeje-se:

O que fazer em Tiradentes?

Como já dito, Tiradentes é uma cidade muito eclética e com atrações diferentes para todos os gostos. Para fazer tudo o que está listado nesse post, recomendo pelo menos 3 dias inteiros na cidade (mais um dia se estiver indo em época de festival), assim dá para fazer tudo com calma e ainda “perder” um tempinho só caminhando e curtindo o clima do local.

Se tiver apenas um fim de semana em Tiradentes, também dá para fazer muita coisa, mas uma atração ou outra vai acabar ficando de fora.

1. Visitar igrejas em Tiradentes

igreja matriz tiradentes
Fotos do post tratadas por Angel Jackson

Um ponto turístico muito comum nas cidades históricas mineiras são as igrejas. Em Tiradentes não é diferente! Existem diversas igrejas na cidade, com histórias e arquiteturas bem diferentes, todas de grande importância para a cidade.

A mais famosa é a Igreja Matriz de Santo Antônio, que foi fundada em 1710 e é, também, a mais antiga igreja de Tiradentes. Com arquitetura barroca e rococó, além de esculturas de Aleijadinho e quase 500 kg de ouro em seu interior, a Matriz é linda por dentro e por fora!

Às sextas (19h), sábados e domingos (20h) acontece o Roteiro Narrado, um show de luzes com a narração de Paulo Goulart — R$10 o ingresso. Ainda às sextas (19h30), acontece a apresentação da artista Elisa Freixo com o órgão da igreja — R$20 meia e 40 inteira.

Outra igreja em Tiradentes que vale a pena visitar é a Igreja São Francisco de Paula, especialmente no finzinho da tarde. Ela fica em uma parte bem alta da cidade, e dali você tem uma vista linda e ainda pode apreciar um belíssimo pôr do sol.

por do sol tiradentes

A Igreja do Rosário dos Pretos também é bem popular na cidade, mas infelizmente não consegui entrar. Todas as vezes que passei em frente ela estava fechada, mas vale a tentativa.

Essas são apenas algumas das igrejas de Tiradentes, mas existem outras na cidade que você pode visitar se esse for um programa que te interesse bastante.

2. Conhecer os pontos turísticos de Tiradentes

Além de igrejas, Tiradentes conta com outros pontos turísticos como monumentos e museus. São bem interessantes e os preços são bem acessíveis.

Museu de Sant’Ana

Um museu bem pequenininho, mas muito interessante, é o Museu de Sant’Ana. Ali você encontra cerca de 300 imagens de Sant’Ana, de diferentes estilos e regiões. Para quem não sabe, ela era a avó de Jesus. Todas as imagens foram colecionadas por uma única pessoa por anos e anos, e cedidas para o museu.

Ele está localizado na antiga cadeia pública de Tiradentes, e a visita ao museu nos permite conhecer um pouco da estrutura dessa construção, como as paredes bem grossas, as celas, etc.

O Museu de Sant’Ana funciona diariamente, exceto às segundas, das 10h às 18h. O ingresso custa R$5; menores de 21 anos ou maiores de 60 anos pagam meia; estudantes, professores e guias de turismo não pagam.

Museu Casa Padre Toledo

museu casa padre toledo

O Museu Casa Padre Toledo é parada imperdível em Tiradentes para quem curte história, antiguidades, artes e até mesmo arquitetura. Padre Toledo foi o líder da Inconfidência Mineira, e as reuniões do movimento aconteciam em sua casa.

Hoje ela se tornou um museu, onde você pode conhecer um pouco mais da vida de Padre Toledo, dos inconfidentes e da cidade de Tiradentes, além de aprender ou relembrar um pouco dessa parte da história brasileira.

Isso sem falar que a casa em si já é uma atração, pois é enorme, tem obras de artes dos tetos, objetos antigos e alguns móveis originais. Eu acho que é uma visita que vale muito a pena!

Ele funciona de terça a sábado, de 10h às 16h30 e domingo de 9h às 15h30. O ingresso custa 10 reais.

Chafariz de São José de Botas

chafariz tiradentes

O Chafariz de São José de Botas também é um ponto turístico bem interessante por sua história e pelas lendas que envolvem sua água.

Sua construção é do ano de 1749, e por muitos anos eram suas águas que abasteciam a cidade. Ele é divido em três partes, sendo que uma servia para o consumo humano, outra para os escravos lavarem roupas e outra para os animais.

Sobre as lendas, enquanto estava lá ouvi pessoas comentando sobre duas histórias diferentes: a mais famosa é a de que quem bebe a água do chafariz dá sorte para quem quer se casar; e a outra é a de que quem bebe a água vai voltar a Tiradentes em breve. Por via das dúvidas, bebi duas vezes ?

3. Fazer o passeio de Maria Fumaça

maria fumaça tiradentes

Há muito o que fazer em Tiradentes, mas me arrisco a dizer que o passeio de Maria Fumaça foi o meu preferido! Em cerca de 1 hora de viagem você chega a São João del Rey e ainda pode visitar mais uma cidade em uma única viagem.

Não vou falar muito sobre ele aqui, pois já tem um post completinho aqui no blog sobre o passeio de Maria Fumaça de Tiradentes a São João del Rey. Entra lá para ver todas as informações, preços e como foi minha experiência! Ah, e também tem vídeo sobre isso lá no nosso canal do youtube.

4. Tirar uma foto no Marco Zero da Estrada Real

estrada real

Tiradentes faz parte da Estrada Real e o marco zero dessa rota está localizado ali. Na verdade está em Santa Cruz de Minas, o menor município mineiro, que fica do ladinho de Tiradentes. De carro você gasta uns 10 minutos do centro até lá, é bem pertinho!

Para os mais aventureiros, existem algumas cachoeiras na região e você pode aproveitar o passeio para conhecê-las. Como fomos no inverno, época de seca, não quisemos ir. De qualquer forma, valeu a foto com o marco zero!

5. Comer muito bem

As opções gastronômicas da cidade são tantas, que já até escrevi um post sobre onde comer em Tiradentes, com opções bem diversas para todos os gostos. Acho incrível como uma cidade tão pequena consiga oferecer uma variedade tão grande de pratos.

Acho importante deixar claro que comer em Tiradentes não é nada barato, mas vale a pena guardar parte do orçamento para explorar as possibilidades. Nós comemos massas, comida mineira, chocolate, carne… Além disso, a cidade conta com restaurantes super renomados.

6.Visitar Bichinho

bichinho mg

Bichinho é um vilarejo que fica a cerca de 7 km de Tiradentes, e vale reservar pelo menos uma manhã do seu roteiro para conhecê-lo. É um excelente destino para quem tem interesse em comprar objetos de decoração e móveis, já que existem várias lojas no caminho entre as duas cidades e também na rua principal de Bichinho.

Além disso, algumas atrações reúnem centenas de turistas no vilarejo. Uma delas é a Casa Torta, um centro cultural bem divertido por fora e que parece interessante por dentro. É preciso pagar 15 reais para entrar (valor por hora), e lá dentro há um café, lojinhas e apresentações culturais. Quando fomos estava lotado e não quisemos esperar, mas valeu a foto do lado de fora.

Outra atração de Bichinho é o Museu do Automóvel, que possui mais de 50 carros antigos em exposição. Ele funciona todos os dias, de 9h às 18h e o ingresso custa R$20 (R$10 para estudantes, professores e idosos). Além da exposição em Bichinho, o Museu do Automóvel promove passeios de Jardineira por Tiradentes todas as noites. Para mais informações, clique aqui.

Por fim, dizem que existem vários alambiques e alguns bons restaurantes em Bichinho. Não visitamos nenhum, por isso não vou indicar, mas vale a pesquisa.

7. Curtir os festivais em Tiradentes

Tiradentes recebe diversos festivais ao longo do ano, e algum (ou alguns) deles pode te interessar. Caso queira visitar a cidade nessas épocas, é imprescindível se planejar com antecedência e estar bem preparado para uma cidade bem cheia e preços altos. Não estou dizendo isso para desanimar ninguém, apenas para que você já saiba o que encontrar.

As datas variam de ano para ano, mas os principais festivais em Tiradentes são:

  • Mostra de Cinema;
  • Festival de Fotografia (Foto em Pauta);
  • Festival de Teatro (Tiradentes em Cena);
  • Festival de Cultura e Gastronomia;

Estes são os mais famosos, mas além desses acontecem vários outros eventos na cidade em diferentes épocas do ano. Eu ainda não tive a oportunidade de visitar a cidade durante nenhum festival, mas tenho muita vontade!

No geral, essas são as principais atrações dessa cidade tão cativante e que tem tanto a oferecer. Agora que você já sabe o que fazer em Tiradentes leia também nosso post sobre outras cidades mineiras que vale a pena conhecer!


Vai viajar? Faça suas reservas com nossos parceiros!

Fazendo suas reservas com as empresas parceiras, você não paga nada a mais por isso e ajuda o blog a se manter, pois a cada venda nós ganhamos uma pequena comissão. Dessa forma, podemos continuar produzindo conteúdo gratuito e te ajudando a viajar mais e mais! Só indicamos empresas de nossa confiança!
 
Author

Débora, 24 anos, apaixonada por viagens e fotografia. Quanto mais eu viajo, mais eu quero viajar. Quanto mais eu conheço o mundo, mais eu me apaixono por ele...

10 Comentários

  1. Quanta vontade de conhecer Tiradentes! Amo história, cultura e gastronomia. Já tinha visto fotos da cidade de Bichinho e não sabia que dava para ir a partir de Tiradentes, adorei mais essa dica do que fazer por lá.

  2. Muito obrigada pelas dicas, já deixei salvo no celular pra seguir o roteiro em Tiradentes. Não vejo a hora, nem sabia que tinha tanta coisa pra fazer lá

  3. Adorei essas dicas do que fazer em Tiradentes. Tenho muita vontade de conhecer as igrejas e também Bichinho e a famosa Casa Torta.

  4. Angela C S Anna Responder

    eu adorei visitar tiradentes e dar aquele pulinho em bichinho pra tirar foto na casa inclinada ahueahue um lugar q deve ser visitado por todos, muita historia!

  5. Morro de vontade de conhecer Tiradentes! Já montei até um roteiro pra lá mas acabei adiando a viagem e até hoje não saiu do papel! =(

    Adorei as dicas de atrações da cidade!

    Tenho vontade de ir durante algum festival… E bom saber que os comes e bebes não são tão baratos! Assim já faço um orçamento mais recheado (porque abrir mão de comer bem em Minas não é uma possibilidade! hehehe)

    Abraço!

Escreva um comentário