São Thomé das Letras é uma das cidades mais “good vibes” do Brasil, considerada um dos pontos mais energéticos da Terra. Cheia de boas energias, pessoas de bem com a vida, lendas, um clima místico, natureza, duendes, pedras…

A energia da cidade é realmente diferente, e não tem como não se sentir bem por lá. Além de tudo, existem vários pontos turísticos muito legais, entre cachoeiras, grutas, igrejas… Há opções para todos os gostos. Falando em gosto, você também vai comer muito bem por lá, afinal, estamos falando de Minas Gerais!

Quer saber onde ficar, onde comer e o que fazer em São Thomé das Letras? Te dou todas as dicas nesse post! =) Mas antes assiste nosso vídeo dos dias que passamos por lá, com os lugares que visitamos e que comemos!

Onde ficar em São Thomé das Letras?

São Thomé das Letras é uma cidade relativamente pequena, mas nem todas as opções de hospedagem ficam próximas do centro turístico. Há excelentes opções um pouco mais afastadas, mas estas não são tão práticas para quem está sem carro. Mas também tem muitas pousadas em São Thomé das Letras para quem está se locomovendo de outras maneiras.

No geral, todas as pousadas são bem simples! Como tudo na cidade, as pousadas são bem “raiz” (nada de pousada nutella hahaha). Tudo bem limpinho e confortável, mas sem luxo nenhum. Eu acho incrível, porque isso faz com que os preços sejam mais acessíveis!

  • Nós ficamos na Pousada Recanto do Sossego, que faz jus ao nome! A pousada é bem pequenininha, tem poucos chalés, administração familiar e fica em um lugar muito tranquilo, há uns 7 minutos (de carro) da parte central da cidade. Mostrei um pouco da pousada e do nosso chalé no vlog de São Thomé que está no youtube!

Outras pousadas que eu favoritei durante minha pesquisa foram a Pousada Vale do Sol, que fica pertinho do centro da cidade e tem excelente avaliação no Booking; e o Bosque dos Beija Flores, que fica um pouco afastado mas parece ser um lugar delicioso e super relaxante!

Para quem quiser acampar, duas opções muito bem avaliadas são o Sumé Hostel (nota 9.8 e também tem dormitório compartilhado) e o Cogumelos Rock, que fica mais afastado do centro. Também tem casas de temporada para quem for em grupos maiores, como a Casa da Pirâmide e a Casa do Disco Voador.

Se nenhuma dessas casas, campings ou pousadas em São Thomé das Letras te atender, você pode buscar outras opções no Booking ou no Airbnb (clique nesse link antes de se cadastrar no Airbnb para receber R$130 de desconto em sua primeira reserva!).

casa pirâmide

Onde comer em São Thomé das Letras?

Pizzaria O Alquimista

Nós comemos duas vezes na Pizzaria O Alquimista e gostamos bastante do local! A variedade de sabores de pizza é muito boa, e todos que escolhemos estavam deliciosos. Confesso que não lembro o preço, mas com certeza achamos bem justo (ou não teríamos voltado, né? rs) pela quantidade e também pela qualidade.

O atendimento também foi muito bom, e o ambiente é bastante agradável! A pizzaria fica bem em frente à praça principal de São Thomé das Letras, então é muito fácil encontrá-la.

Alqui Burguer

Bem ao lado da pizzaria fica o Alqui Burguer, uma hamburgueria bem simples e gostosa. O local é bem pequenininho, e pelo que eu entendi ele faz parte da pizzaria. O cardápio não é muito extenso, mas tem opções para todos os gostos. Nós pedimos os mais simples, um cheeseburguer (R$16) e um cheeseburguer bacon (R$18) e gostamos!

O hambúrguer é bem simples, não é muito grande e nem entra na lista dos melhores hambúrgueres que já comemos. Mas estava bem gostoso e dentro do esperado pelo valor que pagamos. Atendimento muito bom! Achei uma ótima opção para quem busca um lugar mais econômico para comer um lanche.

O Alquimista Praça

onde comer em são thomé

Por coincidência, fomos em outro restaurante que tem “alquimista” no nome, mas não sei se esse tem alguma relação com os outros dois. Escolhemos esse em um dia que eu estava com muita vontade de comer uma carne com batatinhas, eles tinham uma bela propaganda na porta, então entramos.

Pedimos uma carne na chapa com fritas que estava deliciosa, mas demorou um pouquinho para chegar. Não lembro exatamente o valor, mas era algo em torno de R$70 a porção para 2 pessoas.

Uma coisa que achei bem legal nesse restaurante é que ele fica em uma casa antiga, e é possível se sentar nas mesas no quintal e curtir uma música ao vivo durante a noite (não sei se tem todos os dias). O ambiente (mesmo interno) é bem gostoso e o atendimento, apesar de um pouco lento no dia que fomos, também foi ótimo!

Restaurante da Sinhá

Se quiser comer uma comida caseira, feita no fogão de lenha e com sabor de comida de vó, vale muito a pena ir ao Restaurante da Sinhá. Não sei se quem faz a comida lá já tem netos, mas eu amei tanto que logo associei às comidas da minha avó hahaha.

As opções são simples: arroz, feijão, alguns tipos de carne, macarrão, bastante salada… É tudo self service, e o valor (em julho/2019) era R$46,90 o kilo, ou R$30 à vontade. O restaurante fica em um casarão antigo e o ambiente é bem gostoso e tem uma decoração com muita carinha de interior de Minas, rs.

O que fazer em São Thomé das Letras?

Visitar os pontos turísticos de São Thomé

São Thomé das Letras tem alguns pontos turísticos bem legais, e em breve farei um post detalhado sobre todos eles. Por enquanto, você pode assistir ao vlog de São Thomé para ver um pouco de todos os locais que visitamos.

Mas já adianto que tem bastante coisa para fazer por lá, viu? Você pode começar pela Igreja Matriz, que fica na praça principal e é muito bonita por dentro. Bem ao lado dela está a Gruta de São Thomé, onde se passa a principal lenda sobre a cidade e a origem de seu nome. Há também a Ladeira do Amendoim, onde você coloca o carro no ponto porto e vê ele subindo a ladeira sozinho!

Aplaudir o pôr do sol

pôr do sol são thomé

O que eu mais amei fazer em São Thomé das Letras foi admirar o pôr do sol mais lindo que já vi na vida e ainda aplaudi-lo! É muito “humanas” fazer isso, né? (AMO <3)

Dá para ver o pôr do sol em diferentes locais na cidade, mas o mais indicado é ir até a Casa da Pirâmide, que fica no Cruzeiro. Garanto que esse vai ser um dos momentos mais lindos da sua vida!

Mas já adianto que essa região da Casa da Pirâmide é um local onde você vai ver muita gente fumando, comendo “brisadeiro” e coisas do tipo. Então, se é intolerante a isso, por qualquer que seja seu motivo, talvez seja melhor escolher outro local onde você se sinta mais confortável para assistir ao pôr do sol.

Curtir cachoeiras

São Thomé das Letras tem um monte de cachoeiras, e vale a pena escolher pelo menos uma para visitar. Entre as mais famosas estão:

  • Cachoeira da Eubiose;
  • Cachoeira do Flávio;
  • Cachoeira Véu da Noiva;
  • Vale das Borboletas

cachoeira

Nós visitamos o Vale das Borboletas e curtimos muito! Ele não está muito longe do centro da cidade e a estrada (de terra) é bem tranquila. Chegando lá é preciso pagar R$5 de estacionamento, mas não é cobrada a entrada por pessoa. Dentro do Vale das Borboletas há duas cachoeiras: a Cachoeira Vale das Borboletas, de fácil acesso, e a Garganta do Diabo com um grau de dificuldade um pouco maior. Além disso, há o Poço dos Gnomos, uma piscina natural bem gostosa e relaxante!

Fazer compras

Se você gosta de itens mágicos/místicos/esotéricos, com certeza vai fazer a festa nas lojinhas de São Thomé das Letras. Comer e passear na cidade é muito barato, mas a gente gasta o que tem e o que não tem nas lojas e com os vendedores de rua ?

Um clássico que muita gente leva para casa são os duendes na garrafa (e fora dela), mas por lá você também encontra bruxas, pedras de todos os tipos, amuletos, jardins zen, fontes de água, sinos de vento e muitas outras coisas. Vale muito a pena reservar um pedacinho do orçamento para levar algumas lembrancinhas.

São Thomé é uma cidade incrível, e vale muito a pena conhecer! Tire pelo menos um fim de semana para curtir essa energia sem igual <3 Gostou das dicas? Então Siga nossa página no facebook para ficar sabendo dos próximos posts 🙂


Vai viajar? Faça suas reservas com nossos parceiros!

Fazendo suas reservas com as empresas parceiras, você não paga nada a mais por isso e ajuda o blog a se manter, pois a cada venda nós ganhamos uma pequena comissão. Dessa forma, podemos continuar produzindo conteúdo gratuito e te ajudando a viajar mais e mais! Só indicamos empresas de nossa confiança!
 
Author

Débora, 24 anos, apaixonada por viagens e fotografia. Quanto mais eu viajo, mais eu quero viajar. Quanto mais eu conheço o mundo, mais eu me apaixono por ele...

14 Comentários

  1. Diego Cabraitz Arena Responder

    Esse por do sol em São Thomé das Letras é famoso. Tenho vários amigos que já foram e falaram muito bem do lugar e das cachoeiras.
    Quero conhecer um dia, pegar um final de semana e ir até lá.
    Adorei as dicas

  2. Gabriela Torrezani Responder

    Sempre quis is pra São Thomé das Letras porque tenho um tio muito legal que sempre ia e contava altas histórias da cidade mística… mas nunca tinha lido um roteiro de viagem, e agora a vontade só aumentou! Que graça de cidade 🙂

  3. Angela C S Anna Responder

    adorei os nomes diferentoes dos hostels em sao thome das letras aheuahe legal como um lugar influencia os negocios da regiao ne!

    • Débora Resende Responder

      hahaha também me diverti muito enquanto tava procurando minha hospedagem!

  4. Cintia Grininger Responder

    Também fiquei fascinada por São Thomé das Letras quando fui. É mesmo um clima muito pseudo-místico, até meio cômico (tipo os passeios ufológicos que as agências vendem hahaha), mas as cachoeiras são lindas. Com certeza é um lugar em Minas que vale a pena conhecer!

  5. Que lindo São Tomé das Letras! Amei as dicas e já fiquei com água na boca com as comidinhas mineiras. Eta povo que sabe cozinhar, né?!

    • Débora Resende Responder

      Sou suspeita pra falar, mas realmente a comida mineira é sem defeitos hahaha

  6. Ruthia Portelinha Responder

    Fiquei surpreendida com São Thomé das Letras, que destino boa onda, ideal para descansar e estar conectado com a natureza. Dica anotada

  7. Adoro destinos onde podemos estar perto da natureza e conhecer belas cachoeiras. Já quero conhecer São Thome das Letras. Ótimas dicas

Escreva um comentário