Onde comer em Monte Verde? Essa é uma pergunta super difícil de ser respondida, já que existem diversas opções de restaurantes na cidade — e quase todos são bem caros! Escolher entre uma variedade muito grande já é um pouco difícil, e mais difícil ainda é escolher um local com um bom custo benefício, tendo certeza que não vai jogar fora seu dinheiro e sua oportunidade de ter uma experiência gastronômica bem legal.

A boa notícia é que Monte Verde é um destino incrível para os amantes da boa gastronomia, e há excelentes opções para todos os gostos. Além do clássico fondue, aproveite para comer massas, carnes e muito chocolate!

Onde comer em Monte Verde?

A casa do fondue – Fondue em Monte Verde

fondue em monte verde
Fotos: edição por Angel Jackson Fotografia

O fondue é um dos pratos mais tradicionais de Monte Verde, e “A Casa do Fondue” é um dos restaurantes mais famosos da cidade. Eles vendem outros pratos durante o almoço, mas à noite somente seu prato principal — que pode ser rodízio ou pedido à parte.

Nós comemos lá duas vezes, e nas duas optamos pelo rodízio, que dá direto ao fondue de queijo, o de carne e o de chocolate — todos à vontade, podendo pedir reposição do que quiséssemos, quantas vezes quiséssemos. Há uma opção de R$85,90 e outra de R$95,90 (valor por pessoa), e a diferença é que o mais caro vem com carnes um pouco melhores.

Se não quiser comer o rodízio, você pode pedir separadamente o fondue de queijo ou o de carne ou o de doce, sendo que há algumas opções de cada. A gente achou que não valia a pena, pois um de queijo + um de chocolate saía o mesmo preço do rodízio para dois.

casa do fondue

Nós amamos todos os fondues, são deliciosos e muito bem servidos. O de queijo (o favorito do Luiz) vem acompanhado de alguns tipos de pães, torrada, batatinhas e goiabada, enquanto o de carne vem acompanhado de oito molhos, pãezinhos de alho e queijo coalho.

O meu favorito é o de chocolate, e não tenho nem palavras para descrever essa delícia. O chocolate em si parecia um brigadeiro, mas ainda mais gostoso, bem cremosinho. Ele vem acompanhado de morango, banana, abacaxi e uva (as frutas podem variar), além de waffer, suspiro e marshmallow.

Existem rodízios de fondue bem mais baratos na cidade — encontrei até de R$39,90, mas a média de preço era R$69,90 — mas pelas minhas pesquisas nenhuma tinha tanta variedade como o da Casa do Fondue. Nós gostamos tanto que nem quisemos conhecer outro lugar, acabamos voltando lá mesmo.

O ponto negativo, para mim, é o preço das bebidas (quase R$20 uma jarra de 700ml de suco, por exemplo) e o couvert artístico que foi R$10 por pessoa. Ah, na alta temporada a fila de espera é bem comum, e pode demorar bastante! Recomendo que chegue cedo, até umas 18h30 se não quiser esperar.

Rancho da Picanha – Carne em Monte Verde

Passamos em frente a esse restaurante e vimos uma placa escrito “Picanha para 2, com batata frita, arroz e pão de alho por R$99” e decidimos experimentar. Foi uma grata surpresa e nós ficamos muito satisfeitos.

Vieram três bifes de picanha na chapa em um tamanho bom, que estavam deliciosos, bastante arroz, batatas rústicas, um pouquinho de farofa, vinagrete e um pão de alho. A quantidade de comida foi excelente e nós dois comemos muito bem. Além da picanha, eles oferecem em seu cardápio outras carnes, rodízio de fondue, porções e peixes.

O ponto negativo foi o atendimento. Os garçons foram todos muito educados e simpáticos, mas achei tudo meio bagunçado. Nós pedimos o prato, uma cerveja de trigo feita em Monte Verde (R$25) e um suco de amora que pedi para vir junto da comida.

A cerveja chegou rapidinho e a comida demorou cerca de 30 minutos. O garçom disse que o pão de alho (que era um dos acompanhamentos) já estava vindo, e nem mencionou meu suco. Quando já estávamos quase terminando de comer, tivemos que chamar o garçom novamente para perguntar sobre o pão de alho e o suco, e pouco depois eles chegaram.

Apesar disso, valeu a pena pela comida e foi uma boa opção de onde comer em Monte Verde!

Mont Burguer – Hambúrguer em Monte Verde

hambúrguer em monte verde

Pesquisamos muito por hambúrguer em Monte Verde e essa foi a única hamburgueria que encontramos pela internet. Depois vimos que outros restaurantes oferecem hambúrgueres como uma das opções de seu cardápio, mas não encontramos outros lugares especializados.

O Mont Burguer fica bem perto da entrada da cidade, em um local bem pequenininho e com uma decoração bem legal. Chegamos lá bem cedo, por volta de 18h30, com medo de ficar muito cheio por causa dos relatos de filas que lemos sobre vários restaurantes, e acabamos sendo os primeiros clientes do dia ?

Achei o cardápio bem legal, com opções bem variadas e em um primeiro momento me surpreendi positivamente com o preço, já que eles estavam mais baratos do que o que costumamos pagar em BH — e Monte Verde é famosa por seus restaurantes caríssimos.

Quando o hambúrguer chegou, eu entendi porque era tão “barato”. O hambúrguer é minúsculo, assim como a batata frita, que é paga à parte. Eu pedi um cheeseburguer com bacon (Chapéu do Bispo), que custou R$24. O Luiz pediu o mesmo, só que com um hambúrguer a mais por R$28. A porção de batata é R$8.

Achei o hambúrguer gostoso, só que tem um tempero diferente (não consegui identificar o que é) que não me agradou tanto. Já o Luiz amou o tempero! Pela comida eu indico o local, mas pelo tamanho só posso dizer que eu saí de lá com fome.

Little Italy da Roça – Massas em Monte Verde

onde comer em monte verde

Esse é um restaurante que eu indico demais para quem curte massas. Ele é bem pequenininho e fica na avenida principal da cidade, e o que chamou nossa atenção foi o fato deles servirem o macarrão feito dentro da peça de queijo parmesão. Em resumo, nós amamos!

O prato é individual e custa R$59,90. Além disso, se quiser acrescentar algum ingrediente, como alho frito ou bacon, cada um custa R$6,50. Eu acho caro, mas está dentro dos padrões da cidade. Ainda, por indicação deles, pedi um suco de uva branca que custou R$14 por uma canequinha que devia ter uns 200ml. Apesar de gostoso, achei MUITO caro e não recomendo.

No geral, valeu muito a pena. Só não voltamos lá porque queríamos conhecer outros lugares e comer pratos diferentes, mas com certeza voltaríamos. Eles também servem outros pratos além do macarrão.

Onde comer chocolate em Monte Verde?

Chocolateria Gressoney

chocolate monte verde

A chocolateria Gressoney é uma das mais famosas de Monte Verde, e acredito que uma das mais antigas também. Nós comemos lá duas vezes e tivemos uma experiência muito boa!

Na primeira vez, pedimos dois clássicos da chocolateria: uma prímula e uma sopa de morango. A prímula custa R$6 e parece uma mistura de alfajor com pão de mel; eu amo os dois, então amei esse doce. A sopa de morango nós só pedimos porque todo mundo fala sobre ela, que é imperdível e tal, então decidimos comprar. AMAMOS!

onde comer em monte verde

É um “suco” bem grosso, que me pareceu ser somente de morangos batidos (sem água, sem açúcar), em temperatura ambiente, delicioso. Por cima vem um sorvete de creme e uma calda quentinha de chocolate. Falando assim não parece nada demais, mas a combinação fica incrível! É uma mistura de temperaturas, sabores e texturas surpreendente!

Na segunda vez que fomos à chocolateria Gressoney, pedimos um petit gateau que, apesar de não estar com o meio muito molinho, estava delicioso e custou 20 e poucos reais. Ele vem acompanhado de sorvete, calda de chocolate e morangos. Compramos também algumas trufinhas no quilo (R$14,90/kg) de sabores variados e eu não gostei muito de nenhuma.

Em resumo, tirando as trufas, toda nossa experiência na Gressoney foi ótima. E não deixe de experimentar a sopa de morangos!

Chocolateria Montanhês

A chocolateria Montanhês também é muito famosa e foi super indicada por vários blogs que eu li antes de ir. Nossa experiência foi boa, mas eu esperava mais pela alta expectativa e pelos altos preços. Pagamos R$28 em um “mini fondue” de frutas, que na verdade é um chocolate derretido com morango, uva e banana — que estava delicioso! Porém, achei o preço muito alto, apesar de estar dentro da média da cidade.

Também pedimos um chocolate quente (R$16), que é gostoso mas não tem nada demais. Achei bem parecido com o que tomamos em Tiradentes, por exemplo. Posso estar enganada, mas a impressão que tenho é de que os chocolates quentes não são feitos artesanalmente nas chocolaterias, já que todos são muito parecidos tanto em textura quanto em sabor.

Minha principal crítica em relação a essa chocolateria é que não tem nada barato lá. Outras chocolaterias na cidade também têm preços muito altos, mas há sempre uma coisinha ou outra com um preço mais aceitável; coisa que eu não vi na Montanhês. Mas tudo que comemos lá estava gostoso e, apesar do custo benefício não ter sido muito bom, a experiência foi boa!

Toco Chocolates

Nós não comemos na chocolateria Toco em Monte Verde, mas eu fiz a festa em Campos do Jordão. Não sei se a de Monte Verde funciona da mesma forma, mas resolvi indicar mesmo assim porque eu gostei muito da marca e adoraria tê-la conhecido antes, rs.

No post de onde comer em Campos do Jordão eu conto com mais detalhes, mas, em resumo, a Toco Chocolates vende várias mini barrinhas de chocolate com diferentes sabores e todas são deliciosas. Além disso, essa chocolateria é muito mais barata que todas as outras que vi em Campos e, se seguir o mesmo padrão em Monte Verde, vale super a pena!

Essas foram as opções de restaurantes e chocolaterias em Monte Verde que nós decidimos incluir em nosso roteiro. Algumas valeram muito a pena, outras nem tanto, mas sempre vale a experiência, né? Agora que você já sabe onde comer em Monte Verde, mande esse post para quem vai viajar junto com você, para que possam fazer suas escolhas juntos!


Vai viajar? Faça suas reservas com nossos parceiros!

Fazendo suas reservas com as empresas parceiras, você não paga nada a mais por isso e ajuda o blog a se manter, pois a cada venda nós ganhamos uma pequena comissão. Dessa forma, podemos continuar produzindo conteúdo gratuito e te ajudando a viajar mais e mais! Só indicamos empresas de nossa confiança!
 
Author

Débora, 24 anos, apaixonada por viagens e fotografia. Quanto mais eu viajo, mais eu quero viajar. Quanto mais eu conheço o mundo, mais eu me apaixono por ele...

10 Comentários

  1. Hmm quanta opção bacana e quanta delícia. Com este friozinho, fondue e uma massa bem saborosa vai muito bem. Fiquei com água na boca só de pensar e já faz um tempinho que tenho vontade de conhecer Monte Verde, que fica apenas 3 horas de casa e ainda não conheço.

  2. Eu sou apaixonada por Foundue. Como sou de Campos do Jordão, não pode esfriar um pouquinho, que já estávamos fazendo foundue em casa. Apesar de gostar muito de fazer o meu próprio, é bem diferente sair e comer em um restaurante acompanhado de um bom vinho!! Adorei a dica da Casa do Foundue em Monte Verde, vou lá conhecer na minha próxima visita a cidade!

    • Débora Resende Responder

      Acredita que não comemos fondue em Campos do Jordão? =( O Luiz estava passando mal e tivemos que pular, mas é uma boa desculpa pra voltar, né? hahaha

  3. Adorei ler opções de onde comer em Monte Verde, principalmente na variedade do cardápio apresentado neste post. E também fiquei feliz em saber que o chocolate é bem quisto neste destino!

  4. Analuiza Carvalho Responder

    Eu adoro fondue, mas só como o de queijo uma vez que sou lacto-vegetariana. Bom saber que existe a opção à la carte. Eu gostaria de passar uns dias em Monte Verde, tomando vinho, comendo fondue e relaxando. 🙂 Se for, incluirei A Casa do Fondue na minha lista de lugares bons para comer. 🙂

  5. Angela C S Anna Responder

    essa hamburgueria de monte verde parece maravilhosa, já estou babando nessas fotos ahueah a gastronomia ai me lembra muito a de gramado!

    • Débora Resende Responder

      Não conheço Gramado, mas imagino que seja bem semelhante mesmo. Assim como Campos do Jordão, rs.

Escreva um comentário