Fazer uma viagem para Buenos Aires é o sonho de muitos brasileiros. A capital dos nossos hermanos é incrível e oferece muitas e muitas opções de turismo. Ainda, é uma viagem que não pesa muito no bolso, não há muita burocracia e a distância é relativamente curta. Tudo isso sem falar nas delícias gastronômicas que a cidade oferece e na receptividade com a qual os argentinos sempre receberam os brasileiros.

Eu já tive a oportunidade de visitar a cidade duas vezes, e voltaria mais dez. Na primeira vez eu tinha 16 aninhos e fui em uma excursão. A segunda foi quase 7 anos depois, e cada detalhe da viagem foi planejado por mim. Já adianto que essa é uma viagem muito fácil de se planejar, primeiro pela grande quantidade de informações disponíveis e segundo porque não há nenhum procedimento complicado para se preocupar.

Se você está planejando sua viagem para Buenos Aires, aproveite todas as dicas a seguir:

Qual a melhor época para fazer uma viagem para Buenos Aires?

Na minha opinião, qualquer época é boa para visitar Buenos Aires! Mas as características do local podem mudar de acordo com as estações do ano, e a temperatura varia muito. Por isso, o ideal é escolher a época que mais te agrade em relação ao clima. Eu já tive a oportunidade de visitar a cidade no inverno e no verão.

No inverno a temperatura é bem baixa, ficando quase sempre perto de 10° e podendo chegar a temperaturas negativas. Se ventar, o frio é maior ainda! Mas é um clima bem gostoso e que deixa a cidade com ares ainda mais “europeus”. É importante ir bem preparado, com roupas adequadas para o inverno rigoroso.

No verão o calor é bravo e a temperatura pode facilmente passar dos 30°. O sol é muito forte e há chances de chuva. O problema maior é que a água de Buenos Aires é muito ruim, então é difícil se manter hidratado nessa época do ano, rs. (As melhores marcas de água são Eco de Los Andes e Bon Aqua — anote essa informação pois ela é muito importante!).

viagem para buenos aires

Depois do mochilão pela América do Sul que eu fiz em janeiro, no auge do verão, cheguei à conclusão de que eu não gosto de viajar nessa época. Porém, isso é uma questão de gosto e até mesmo de destino. Como Buenos Aires não tem praia, nem mesmo os argentinos curtem ficar por ali no verão (metade do país vai para Florianópolis e a outra metade para Punta del Este ?).

Se eu tiver a oportunidade de voltar a Buenos Aires e puder escolher a época, acho que gostaria muito de visitar a cidade na primavera, pelas temperaturas estão mais amenas e para ver os parques e praças ainda mais floridos!

VLOG DE VIAGEM: O QUE FAZER EM BUENOS AIRES?

Onde ficar em Buenos Aires?

Escolher uma hospedagem bem localizada faz toda a diferença em qualquer viagem. Em Buenos Aires, acho que se você estiver perto de uma estação de metrô já está ótimo. O transporte público lá é ótimo e dá para chegar em qualquer lugar de metrô. Mas existem alguns bairros que são mais interessantes, pela segurança, por estar perto das atrações ou pela vida noturna.

Recoleta

Foi onde eu me hospedei e recomendo bastante! Fiquei no Dazzler Recoleta, um hotel com excelente custo benefício. Esse é um dos bairros mais recomendados, pois há várias atrações turísticas na região, assim como restaurantes. É um dos bairros mais seguros da cidade, além de ser muito agradável e tranquilo. É muito gostoso caminhar por ali, de dia e de noite.

Porém, a Recoleta é um bairro muito grande e é preciso escolher uma boa localização dentro dele. Eu sugiro que fique o mais próximo possível do cemitério, pois é ali onde se concentram as principais atrações.

Palermo

viagem para buenos aires

Eu não tive muita oportunidade de conhecer o bairro Palermo, mas é o preferido de muita gente. Ele é dividido em várias regiões: Palermo Soho, Palermo Hollywood, Palermo Viejo, Palermo Chico e Palermo Botânico.

Há muitas opções para curtir a noite por lá, especialmente em Palermo Soho e Hollywood. Não só para quem curte balada, mas também para quem gosta de bons restaurantes e bares. Também há várias atrações turísticas por ali, como o Rosedal, Jardim Japonês e outras.

Quando estava buscando minha hospedagem, estava entre Palermo e Recoleta. Acabei preferindo a segunda opção pois percebi que há pouquíssimas estações de metrô na região do Palermo, mesmo sendo o maior bairro da cidade.

Centro

Muita gente gosta de se hospedar no Centro por estar perto de tudo — das principais atrações da cidade e dos outros bairros. Porém, há quem diga que a região fica um pouco perigosa durante a noite, já que o comércio se fecha e as ruas ficam desertas. Até mesmo durante o dia, não é um local tão tranquilo quanto Recoleta e Palermo, por exemplo. A vantagem do Centro, além da localização em si, é a possibilidade de encontrar opções bem baratas.

Quais documentos são necessários para viajar para Buenos Aires?

Uma das maiores vantagens de se fazer uma viagem para Buenos Aires (ou qualquer outro país da América do Sul), é que brasileiros não precisam de passaporte nem visto! Você pode passar pela imigração somente com seu RG, desde que ele esteja em um bom estado de conservação e tenha menos de 10 anos de expedição. Lembrando que carteira de motorista não é um documento válido fora do Brasil, ok?

Se levar seu passaporte, você vai receber um carimbo ao entrar e outro ao sair do país. Se for apenas com o RG, vai receber um papel com o carimbo ao passar pela imigração, e deve devolvê-lo na hora de sair — então é importante guardá-lo com muito cuidado durante a viagem.

Precisa de seguro viagem para viajar para a Argentina?

A Argentina não exige seguro viagem dos brasileiros, porém é sempre importante ter essa segurança quando se viaja para o exterior. Se você se machuca, fica doente ou precisa de um hospital por qualquer motivo, é o seguro que vai te “salvar”. Caso contrário, o custo pode ser altíssimo e estourar o orçamento de sua viagem.

Existem seguros bem baratos e que não pesam no bolso. Um seguro de uma semana para a Argentina custa a partir de R$70 pela Real Seguros. E clicando aqui para fazer seu orçamento você ganha 10% de desconto!

seguro viagem buenos aires

Como se locomover em Buenos Aires?

Transporte público

Se locomover em Buenos Aires é muito tranquilo, principalmente se você estiver perto de uma estação de metrô. A cidade conta com 6 linhas de metrô, que atendem praticamente todas as atrações turísticas. Também existe uma boa quantidade de linhas de ônibus, atendendo as regiões onde o metrô não é muito presente (como em Palermo, por exemplo).

Para usar o transporte público é preciso comprar o cartão SUBE, que custa 25 pesos. É preciso colocar créditos no cartão, que são descontados a cada viagem. Quanto mais você usar seu SUBE, mais baratas ficarão as passagens.

  • Usando até 20 vezes, cada passagem de metrô custa 7,50 pesos.
  • Da vigésima primeira até a trigésima viagem, cada passagem custa 6 pesos.
  • Da trigésima primeira à quadragésima você paga 5,25 pesos.
  • Da quadragésima primeira em diante o valor é 4,50 pesos.

O SUBE é individual e cada pessoa deve ter o seu.

Táxi e Uber

Os táxis de Buenos Aires são muito famosos por serem baratos, mas também pelos golpes aplicados pelos taxistas. A principal dica para quem quiser andar de táxi é ter dinheiro trocado para realizar o pagamento.

O Uber é mais seguro pelo fator de poder pagar com cartão, porém eles são mais raros que os táxis. Enquanto você vê táxis livres passando pela rua a todo momento, pode ser que tenha que esperar mais de 10 minutos por um Uber, dependendo de onde estiver. O Cabify também está disponível na capital portenha.

Para poder usar o Uber a qualquer momento, leia sobre o chip internacional com internet ilimitada!

Qual moeda levar e onde trocar dinheiro em Buenos Aires?

viagem para buenos aires

O real é uma moeda muito boa para se levar para Buenos Aires, mas o dólar também pode ser uma excelente opção. Muitas vezes é mais vantajoso levar a moeda americana ao invés da brasileira, porém, a diferença é pequena e eu acho mais prático levar reais ao invés de ter que fazer a conversão duas vezes.

Você pode comprar pesos argentinos ainda no Brasil, ou levar a moeda de sua preferência para trocar em Buenos Aires. Para trocar no Brasil, recomendo que consulte a Melhor Câmbio e encontre a casa de câmbio com melhor preço na sua cidade. Para trocar em Buenos Aires, sugiro que vá até uma casa de câmbio na Calle Florida, mas fuja do cambistas que fazem propostas tentadoras na rua.

Eu levei apenas real e cartão de crédito, e para mim foi a melhor opção. Achei que a cotação do cartão estava até vantajosa, mesmo tendo que pagar 6% de IOF. Ah, mas é preciso ter sempre dinheiro vivo pois é muito comum encontrar locais que não aceitam cartão na capital portenha. Por outro lado, muitos estabelecimentos aceitam real e dólar e oferecem ótimas cotações.

Como montar um roteiro de viagem para Buenos Aires?

Buenos Aires é uma cidade relativamente grande, e que possui muitas atrações turísticas. Para conhecer tudo o que a capital portenha tem a oferecer, com a calma que a cidade (e você) merece, eu recomendo que planeje-se para ficar pelo menos 7 dias se for sua primeira vez por lá.

viagem para buenos aires

Para montar um roteiro prático, sugiro que divida seu tempo por bairros ou regiões. Para conhecer o Centro, por exemplo, separe um dia inteiro para passar tranquilamente por todas as atrações. Palermo também precisa de pelo menos um dia inteiro.

Pesquise as atrações de cada bairro de Buenos Aires e defina quanto tempo você acha necessário para cada um deles. Conheça todos os pontos turísticos de um bairro antes de partir para outro. Assim, você gasta menos tempo se deslocando e consegue fazer muita coisa a pé.

Eu já escrevi um post aqui no blog e contei quais são as atrações imperdíveis, na minha opinião. São 10 atrações que devem estar em qualquer roteiro de primeira viagem para Buenos Aires:

Quer aproveitar sua viagem para Buenos Aires e conhecer outros destinos? Que tal atravessar o Rio da Prata e passar um dia em Colonia del Sacramento, no Uruguai? Ou, se preferir ficar na Argentina e tiver mais tempo, Mendonza é uma ótima opção. No blog Suas Próximas Viagens você descobre o que fazer em Mendonza!

Aproveite muito sua viagem para Buenos Aires e apaixone-se por essa cidade incrível! Se gostou das dicas, compartilhe este post nas redes sociais e marque os amigos que vão viajar com você =)


Vai viajar? Faça suas reservas com nossos parceiros!

Fazendo suas reservas com as empresas parceiras, você não paga nada a mais por isso e ajuda o blog a se manter, pois a cada venda nós ganhamos uma pequena comissão. Dessa forma, podemos continuar produzindo conteúdo gratuito e te ajudando a viajar mais e mais! Só indicamos empresas de nossa confiança!
 
Author

Débora, 24 anos, apaixonada por viagens e fotografia. Quanto mais eu viajo, mais eu quero viajar. Quanto mais eu conheço o mundo, mais eu me apaixono por ele...

Escreva um comentário