Brasilparceria

O que fazer em Pipa – RN: praias, vila e onde comer

pipapraiadomaderogolfinhos-3

Apesar de muita gente chamar de “Praia da Pipa”, Pipa é, na verdade, uma região bem próxima de Natal — no município de Tibaú do Sul — que possui uma vila e um complexo de praias. É um passeio quase obrigatório para quem vai passar uns dias na capital do Rio Grande do Norte, já que apenas 80 e poucos quilômetros separam Natal e Pipa.

Isso significa que é possível ir e voltar no mesmo dia, mas se quiser aproveitar um pouco mais o local, uma ou duas pernoites não é nada mal para quem tiver um tempinho sobrando. Há muita coisa legal para fazer por lá, e realmente vale muito a pena a pequena viagem.

Quer conhecer uma das 10 praias mais bonitas do Brasil, ver golfinhos e paisagens incríveis? Saiba o que fazer em Pipa!

Como chegar em Pipa

Se você estiver em Natal sem carro ou preferir ir até Pipa de forma mais confortável e segura, uma ótima opção é fechar o passeio com uma empresa. Eu e minha família fomos com a Luck Receptivo, uma das mais famosas e recomendadas da cidade. Nossa experiência foi ótima!

Eles nos buscaram no hotel um pouco antes das 8h da manhã e todo o passeio foi feito em grupo, com uma excelente guia e um ônibus super confortável que nos levou para todos os lugares. E, no fim, eles nos levaram de volta ao hotel — chegamos por volta das 18h.

Acho que vale super a pena para quem não quer se preocupar com nada e só curtir as praias. Não é preciso se preocupar em pegar estrada, em montar roteiro, em estacionar, em descobrir quais são os melhores lugares e nem em tirar fotos, se você não quiser. Além do guia, um fotógrafo acompanha o passeio e faz várias fotos de quem quiser contratá-lo durante o dia.

O único porém desse passeio é que você tem que acompanhar o grupo durante todo o trajeto e é preciso respeitar os horários de sair de cada lugar. Se você quiser um pouco mais de liberdade para conhecer Pipa no seu tempo, uma opção é alugar um carro e ir por conta própria. Mas, sinceramente, eu achei o roteiro da Luck bem justo, com tempo de curtir a praia, de comer, conhecer lugares legais e passear pela vila.

O que fazer em Pipa

Praia do Madero – Baía dos Golfinhos

A primeira parada do passeio foi na Praia do Madero, que também é conhecida como Baía dos Golfinhos. O motivo da praia receber esse nome é porque ali é possível avistar muitos golfinhos! Eles ficam nadando bem próximos da praia, e é possível vê-los até mesmo se você não estiver dentro do mar.

Eu fiquei só quietinha na espreguiçadeira e vi vários! Muita gente vai para o mar com um barco ou lancha para poder vê-los bem de pertinho. É uma coisa linda!! E isso sem falar no visual da praia, que também é maravilhoso!
Ah, um aviso sobre essa praia: para chegar lá é preciso descer uma escadaria que deve ter quase cem degraus. E, claro, depois é preciso subi-los para ir embora. Infelizmente é um obstáculo para quem tem dificuldade de locomoção.

A praia também é muito bem estruturada, com barracas que oferecem mesas, espreguiçadeiras, guarda sol, almoço, lanche e tudo mais…

Praia do Amor + Almoço

Saímos da praia do Madero e fomos direto para o restaurante Amô, que fica localizado na praia do Amor. O restaurante é enorme, tem vários tipos de pratos e alguns outros “atrativos”. Primeiro a praia, que para chegar nela é preciso entrar no restaurante — e depois descer mais algumas escadas. Além disso, o restaurante possui piscina, lugares legais de tirar fotos, redes e lugares para deitar.
A comida é bem gostosa e bem servida. O preço é um pouco alto, mas nada fora do normal. A estrutura é muito boa e o valor acaba compensando. Ah, se você estiver no passeio com a Luck, antes mesmo de chegar na Praia do Madero um garçom do Amô vai entrar no ônibus com os cardápios e você já pode fazer seu pedido. E quando chegar no restaurante, os pedidos ficarão prontos muito mais rápido.

Mirante do Chapadão

Depois do almoço — ou antes; ou nem precisa almoçar lá se não quiser — você pode curtir um pouco a praia (que nós não conhecemos por preguiça de descer tudo e porque estava chuviscando) ou conhecer o Mirante do Chapadão.

Uma foto bem descabelada para vocês terem noção do vento hahaha 🙂

O Chapadão é uma falésia (enorme!) que tem uma vista maravilhosa para a Praia do Amor e outras duas praias. Segundo nossa guia, lá foi gravada uma das aberturas mais famosas do Fantástico (em 1987, com Isabela Ribeiro). É um lugar lindo, e que venta muito!! Vale super a pena conhecer.

Vilarejo de Pipa

O vilarejo de Pipa é uma graça! É um lugar bem pequeno, praticamente só uma rua — tanto que os ônibus nem podem entrar lá, e nos deixou na “porta” da vila. É um lugar bem legal para comprar souvenirs, tomar um sorvete e até fazer algumas compras. A chuva infelizmente nos atrapalhou um pouco e, ainda, parte do comércio estava fechada. Mas valeu a pena e eu pretendo voltar um dia!
Saímos do vilarejo mais ou menos 16h30 e voltamos para Natal. Claro que eu dormi durante o caminho quase todo, afinal, foi pouco mais de uma hora de viagem. O ônibus chegou na Luck em Natal e nos dividiu em vans que nos deixou nos hotéis.
Foi um passeio muito gostoso, em um lugar maravilhoso e o dia foi incrível! Se você gostou de saber o que fazer em Pipa, deixa um comentário e me conta qual lugar você ficou com mais vontade de conhecer 🙂

* O Foco no Mundo agradece à Luck Receptivo pela cortesia e pelo passeio incrível! Lembrando que todas as opiniões contidas aqui são verdadeiras e relacionadas à minha experiência.

0
Débora Resende
Débora Resende
Débora, 22 anos, apaixonada por viagens e fotografia. Quanto mais eu viajo, mais eu quero viajar. Quanto mais eu conheço o mundo, mais eu me apaixono por ele...

10 Comments

Leave a Comment